A Ius Omnibus submeteu os seus comentários à ANACOM sobre a consulta pública relativa à renovação dos direitos de utilização de frequências da Vodafone e MEO